Notícias CPOS

Técnicos da CPOS auxiliam secretários de Santa Cruz do Rio Pardo

O trabalho desenvolvido pelo Governo do Estado para os Município de Interesse Turístico (MIT) tem dentre os seus objetivos fomentar o turismo regional. Um trabalho que tem a perspectiva de que mesmo um município que não possua uma clara vocação para o turismo possa desenvolver um papel de provedor ou fornecer mão-de-obra ou de produtos destinados a atender o turista.

São investimentos que permitem ganhos não só para o município que recebe o visitante, mas para toda a região.  Foi pensando neste avanço econômico que a cidade de Santa Cruz do Rio Pardo, que se transformou em MIT em 2018, pretende investir os recursos do Departamento de Apoio ao Desenvolvimento dos Municípios Turísticos (Dadetur), órgão vinculado à Secretaria de Turismo do Estado.

E, na última terça-feira, o Secretário de Turismo da cidade de Santa Cruz do Rio Pardo,  Gerson Azevedo Garcia, acompanhado da Secretária de Obras, Carla Akemi e da Diretora de Turismo do Município, Giovana de Fátima Redondo se reuniram com engenheiros da CPOS para sanarem todas as dúvidas do convênvio, no valor de aproximadamente R$ 390 mil, mantido com o Dadetur.

Neste processo os técnicos da CPOS informam e orientam as prefeituras para que os projetos estejam de acordo e, assim, formalizarem os convênios com mais rapidez junto ao Dadetur.

"Fomos muito bem orientados pelos engenheiros da CPOS no que devemos fazer para aplicarmos o recurso com segurança. O nosso projeto é reformar e ampliar o nosso complexo turístico, onde está instalado o museu histórico da cidade. Lá, queremos construir também um anfiteatro para atrair mais eventos e também iremos reformular toda a sinalização tuirística da cidade", informou a Diretora de Turismo, Giovana.

O Estado de São Paulo conta com 140 cidades classificadas como MITs atualmente e 70 Estâncias Turísticas, que possuem infraestrutura e serviços ligados ao turismo onde seguem diversos pré-requisitos para a qualificação. Anualmente, cada cidade recebe recursos entre R$ 2 milhões e R$ 36 milhões, por meio das ações do Fundo de Melhorias dos Municípios Turísticos, criado por lei em 2016.

NOTÍCIAS

CPOS avalia mais de 25 áreas para a Emae
07/06/2019
Fomento do turismo em Rosana conta com apoio da CPOS
04/06/2019
CPOS: a empresa que tem a solução nas mãos
16/04/2019
Prefeito de Salto conta com a CPOS para inaugurar o Trem Republicano
10/04/2019
CPOS orienta São José do Barreiro em três importantes obras turísticas
28/03/2019
Você sabe o que faz a CPOS para manter a ordem no complexo CIDADE? 
30/11/2018
Mais Notícias